Mais um casal da série: Casais que dão muito certo!

O casal da vez é a Alinne e o Roberto, mais conhecido como Johnny.

Eu estou com a história deles comigo já faz algumas semanas mas resolvi postar hoje pois hoje é aniversário da Alinne e queria presenteá-la com a história dela aqui! 🙂

Alinne, feliz aniversário, parabéns, toda felicidade do mundo e espero que goste!

Bom, vamos ao que interessa, vamos às dicas!

Casal que deu muito certo: Alinne e Roberto

São: Alinne e Roberto (Johnny)

Primaveras: 29 (ela) e 30 (ele)

Juntos há: 8 anos e 8 meses (destes, 2 anos e 4 meses casados)

Filhos: AINDA não

Como se conheceram: Ele costumava ensaiar com uma banda na casa vizinha ao prédio dela. Ela vivia com os joelhos e canelas roxos de subir no muro pra ver a banda, mas não tiveram muito contato. Anos depois de se reencontraram em uma academia. “Na época da banda a gente chamava ele de Bubaloo, porque ele tinha feito uma propaganda dessa marca de chiclete. Então, quando o vi na academia, depois de reunir toda minha coragem para enfrentar a timidez, cheguei nele e perguntei: ‘Oi! Você não é o Bubaloo?’ E ele: “Eu te conheço?!’ Fiquei morrendo de vergonha, nem sei como tive coragem de continuar a conversa depois desse fora, mas ainda bem que engoli seco e segui em frente. Depois ele conseguiu meu ICQ (nossa como estamos velhos hahahahaha) e começamos a conversar, combinamos de sair e estamos juntos até hoje”.

Uma Curiosidade: nunca brigamos! Juro! Nunca ficamos um dia sem se falar desde que começamos a namorar, nunca demos um tempo, nunca fomos dormir magoados ou chateados um com o outro. Claro que de vez em quando temos umas divergências, coisas do dia-a-dia, um dia um está de mal humor e desconta no outro, fala mais ríspido, as opiniões são diferentes, mas brigar, fazer mal um ao outro, nunca!

Dificuldade Juntos: Acredito que dois momentos nos marcaram, principalmente depois do nosso casamento. Casamos em novembro de 2008 e em janeiro de 2009 meus pais se separaram e as coisas ficaram bem ruins, ele teve que me dar muito apoio e enxugar meu pranto, enquanto eu tentava fazer o mesmo com meus pais e irmãos, me fazendo de forte diante eles. Menos de um mês depois, o pai dele faleceu, de repente, sem esperarmos e fomos abalados por mais esse momento de tristeza, minha vez de então ampará-lo e dar colo para ele chorar… Mas assim, com apoio mútuo e companheirismo, superamos todos os obstáculos.

Conquistas e Alegrias: Acho que nossa maior conquista material foi ter conseguido comprar um apartamento antes de casar. Sempre pensamos que teríamos que alugar, mas no fim deu tudo certo (às vezes a ajuda aparece de onde menos se espera) e hoje a gente tem o nosso cantinho, estamos até agora tentando deixá-lo como a gente sonhou, ainda queremos fazer muita coisa, mas de nós ninguém tira, estamos pagando por algo que nos pertence. Como maior alegria eu destacaria o dia do nosso casamento. Foi muito emocionante, saiu tudo como a gente queria, com a nossa cara, do nosso jeitinho… Chorei muuuuuuuito, mas sempre de emoção, por realizar esse sonho.

Palavra dica: podem ser três rs?! RESPEITO, PACIÊNCIA e TOLERÂNCIA. Em todo e qualquer relacionamento, se não tiver essas três coisas, não pode dar certo. As pessoas não são perfeitas, não pensam exatamente como a gente e fazem coisas que nos irritam às vezes, mas se não soubermos lidar com isso não tem chance de dar certo. Claro que o amor conta muito para que se consiga superar as diferenças e sempre estar disposto a ceder, fazer concessões. Mas tem que ser algo que parta dos dois, cada um tem a sua vez de fazer as vontades do outro, se não vira submissão, um se sobrepõe ao outro, e essa não é a nossa idéia de um bom relacionamento. Acho que, no fundo, o importante e saber que nem tudo é perfeito, mas que sempre pode buscar fazer o seu melhor!


  • Thaís, sua linda! Muito obrigada! Adorei o presente! Espero que a nossa história de amor incentive as pessoas a abraçarem os relacionamentos e aproveitem todos os momentos ao lado de quem amam! Bjks

    • Thais Denker

      Ooooounnn, tenho grande admiração por vocês e o carinho da relação que têm. Eternidade juntos para vocês! Ah, pra mim também, vai! rsrsrs