Como montar a lista de convidados.

lista de convidados

Conversando com um amigo meu, ele me disse que se fosse fazer festa de casamento ou algo do tipo, que não faria nada muito extravagante, nem igreja nem nada que ele só faria isso se realmente tivesse com grana para gastar porque ele não conseguiria fazer uma lista de convidados pequena.

Depois desse papo pensei que os noivos  realmente têm um pouco de dificuldade para montar a lista de convidados, nunca sabem quem eles têm obrigação de convidar, quem pode ficar de fora da lista e quem não deve de jeito nenhum ser convidado.

Vou dar uma ajudinha para vocês…para começar, na teoria os noivos não têm obrigação de convidar ninguém que não queiram que esteja presente, mas devem tomar alguns cuidados e usar o bom senso. Não seja indelicado, como por exemplo, convidar somente alguns familiares de um mesmo lar, chama um casal de tios, mas não chama o primo solteiro que ainda mora com eles porque simplesmente não gosta do tal. Seus tios provavelmente ficarão chateados e acho que você não quer isso.

Monte a lista de vocês por ordem de prioridade. Comece escrevendo o nome dos amigos e familiares mais próximos e que mais convivem com vocês.

Dica: Quando for montar a lista já escreva os nomes como gostaria que fossem escritos no convite, assim facilita na hora de mandar para caligrafia ou colocar tag.

Quem TEM de ser convidado:

Os amigos e familiares que vocês fazem questão absoluta, que ambos gostam, que ambos se dão bem. Para pensar nessas pessoas, lembre-se com qual freqüência se encontram e se falam nos últimos meses.

Quem PODE ficar de fora da lista:

Aquele parente ou amigo que mora em outra cidade ou na sua cidade mesmo e que faz anos que vocês não têm contato nem por telefone. Pode até ser que na infância ela fizesse muito parte da sua vida, mas nos últimos 5 anos vocês perderam o contato totalmente, então pode ser eliminado.

Quem NÃO DEVE ser convidado:

Pessoas que vocês não gostam e não têm a menor afinidade, ex namorados (a menos que tenham um relacionamento saudável com seu atual companheiro), pessoas que vocês tiveram experiência anterior negativa, que tenha sido desagradável ou inconveniente, ou constrangido vocês. Não corra o risco no seu casamento.

Caso os seus pais estejam “paitrocinando” a festa, eles têm todo direito de convidar os amigos e familiares que eles fazem questão, mas peça a gentileza de eles usarem os critérios acima, se eles seguirem, deixa eles exibirem a felicidade dos filhos!

Lembre-se que essas dicas são para casos em que os noivos querem realmente reduzir a lista, se você não tiver problema nenhum com a quantidade de convidados e nem com orçamento que isso vai representar, chama quem quiser e faça a festança!